História

Em 1954, o cirurgião-dentista Clovis Lacerda Leite convida Edrízio Barbosa Pinto, também cirurgião-dentista, para retomarem o propósito de fundação de uma faculdade, iniciado sem êxito em 1953. Por sua vez, Edrízio Barbosa Pinto convida o docente Nelson de Albuquerque Melo, da Faculdade de Odontologia da Universidade do Recife e proprietário do Hospital Magitot para participar do grupo de fundação da nova faculdade.  Após várias reuniões os dois juntamente com um seleto grupo de outros docentes fundaram a Faculdade de Odontologia de Pernambuco – FOP, cuja reunião definitiva foi realizada aos 18 de março de 1955, conforme a sua Ata de Fundação.   Em 26/12/1957 foi publicado o Decreto nº 42.880, de 24 de dezembro de 1957, assinado pelo presidente Juscelino Kubitschek de Oliveira, com o seguinte texto: “Artigo único. É concedida autorização para o funcionamento do curso de odontologia da Faculdade de Odontologia de Pernambuco, mantida pela Sociedade Civil Faculdade de Odontologia de Pernambuco, com sede no Recife, capital do Estado de Pernambuco”; no Diário Oficial da União. Tendo a instalação ocorrido em 11 de janeiro de 1958, às 20 horas, na Rua do Hospício, n.494. E finalmente em 18 de maio de 1960, o Conselho Nacional e Educação aprovou o Parecer nº 228 concedendo o reconhecimento da Faculdade de Odontologia de Pernambuco, homologado pelo Ministro da Educação e Cultura e publicado no DOU em 20/06/1960, através do Decreto nº 48.250, de 31 de maio de 1960.

O curso de Histologia foi o primeiro curso de aperfeiçoamento que aconteceu em 1958. Depois outros aconteceram: Odontologia Legal, Odontopediatria e Reparo e restauração da coroa dental, todos em 1962. Daí por diante vários cursos de aperfeiçoamento foram oferecidos, sempre com a participação de docentes vindos de renomadas Instituições de Ensino Superior. O primeiro mestrado aconteceu em 1970 na área de concentração em Odontopediatria.

Apesar das reformas e ampliações dos três prédios da Rua do Hospício, as instalações não correspondiam às necessidades. Em 1072 a FOP foi transferida para Camaragibe, em um prédio do antigo Seminário Regional do Nordeste, onde funciona até hoje.

Hoje a FOP conta com Pós-Graduação Stricto Sensu com 3 programas (Odontologia – Hebiatria – Perícias Forenses), Pós-Graduação Lato Sensu (especialização e outros) com 5 cursos de especialização e uma Residência em Cirurgia Traumatologia Buco-Maxilo-Facial.

A Faculdade de Odontologia de Pernambuco, Campus Camaragibe, ocupa uma boa parte do seu imóvel, através de salas de aulas teóricas e laboratórios de aulas práticas, laboratórios de informática para os discentes, diretoria, secretarias de graduação e pós-graduação, biblioteca, auditório e demais setores administrativos que realizam as suas atividades de forma comprometida com os objetivos e missão da Faculdade, ser referência no ensino da odontologia no âmbito regional e nacional. Realiza atendimento à comunidade em todas as especialidades odontológicas através das clínicas que dispõe para a formação do discente.

Faculdade de Odontologia de Pernambuco também desenvolve  e  participa com todo o corpo docente e discente de atividades extensionistas, através da Coordenação de Extensão, no segmento da assistência, educação e pesquisa, realizando ações de grande relevância social.  Viabiliza projetos que vão desde a educação em saúde bucal à população, apoiando e incentivando Mutirões de Atendimento à comunidade, até a colocação de próteses dentárias, trabalhando junto aos alunos a solidariedade, a humanização e a cidadania, além de estabelecer parcerias com outras entidades, dando visibilidade à Universidade.