Secretário de CT&I recebe demandas de lideranças estudantis da UPE

O secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) Lucas Ramos recebeu, na manhã desta terça-feira (05/01), discentes do Diretório Central dos Estudantes da UPE (DCE/UPE) para ouvir as reivindicações dos universitários para o ensino em 2021, em formato híbrido, que vai mesclar atividades presenciais e virtuais.

Na pauta, a ampliação do auxílio inclusão digital, que no primeiro edital ofertou 500 bolsas de R$ 1 mil para alunos de baixa renda adquirem equipamentos (celulares, tablets ou computadores) para acompanhar as aulas remotas. Segundo os representantes do DCE, seria necessário um novo edital para ofertar o auxílio aos demais alunos de baixa renda da UPE. O ensino remoto desencadeou um aumento considerável no número de estudantes com quadro de ansiedade, baixa autoestima, e outros sintomas associados à saúde mental, revelando uma necessidade urgente de apoio psicossocial para os alunos.

“Vamos buscar condições para garantir a assistência física e psicológica da comunidade acadêmica da UPE. Junto à Reitoria da universidade, encontraremos caminho para atender os pleitos dos estudantes”, explicou Lucas Ramos, que destacou a articulação da Secti e o empenho da UPE em melhorar a qualidade do ensino e da infraestrutura da universidade, a exemplo do edital para contratação de 163 professores para suprir vacância de docentes da instituição.

Texto e fotos: Secti