Trote do bem promovido pela Poli/UPE supera expectativas

A Escola Politécnica da Universidade de Pernambuco (Poli/UPE), através de sua coordenação setorial de Extensão e Cultura, promoveu o “Trote do Bem”, para doações de sangue, no último dia 02/03. O evento contou com o apoio da Fundação de Hematologia e Hemoterapia de Pernambuco (Hemope).

Na sua segunda edição, o projeto, que visa ajudar a salvar vidas e despertar a fraternidade e solidariedade na comunidade acadêmica, ultrapassou a meta estabelecida pelo Hemope, com o quantitativo de 121 atendimentos realizados em sete horas, sendo 77 doações aptas e 44 inaptos.

O sucesso foi resultado do apoio, imprescindível, da direção da unidade, das coordenações setoriais, NAPSI, Poli Júnior, Projeto padrinhos e do Diretório Acadêmico, que mobilizaram professores, servidores e alunos para atuarem como doadores, voluntários e/ou multiplicadores do evento.

TROTE DO BEM - A iniciativa da ação tem como objetivo uma mudança cultural das relações acadêmicas, incentivando a humanização, solidariedade e cooperação, não reproduzindo ações de violência vivenciadas nos trotes tradicionais em universidades de todo o país.

Com informações da unidade.